Ethical Hacker

ethical hackerHá tempos o termo Hacker vem sendo erroneamente associado apenas aos criminosos da Internet, que se utilizam de brechas de segurança para implantar vírus e roubar informações e principalmente dinheiro de pessoas e empresas.

No entanto, nos últimos anos tem sido comum a divulgação das atividades do Ethical Hacker, ou de maneira mais popular, o Hacker do Bem.

Vamos conhecer um pouco melhor do que hoje é uma atividade profissional em crescimento e muito promissora.

 

O que é um Ethical Hacker

Um Hacker Ético é um especialista em sistemas e redes de computadores que conhece as técnicas e métodos utilizados para se encontrar vulnerabilidades de segurança em softwares e redes corporativas.

No entanto, ao invés de usar esse conhecimento para obter vantagem própria, ele apenas documenta as vulnerabilidades detectadas e as reporta para a empresa que está contratando seus serviços, juntamente com indicações de como solucionar as vulnerabilidades e aumentar a segurança da corporação.

Vulnerabilidades de segurança são encontradas em má implementação de softwares, sistemas e dispositivos mal configurados, ausência de sistemas de seguranca como Firewalls, ou até mesmo softwares desatualizados. A função do Ethical Hacker é encontrar essas falhas utilizando-se de técnicas de intrusão, porém sem causar nenhum impacto nos sistemas.

O vídeo abaixo ajudar a entender um pouco melhor o tema:

A profissão de Hacker Ético

Uma falha de segurança pode causar prejuízos gigantescos em empresas, podendo causar roubo de informações e dinheiro, prejuízos à sua imagem, paralisação de seu serviços e diversos outros danos.

Devido a esses riscos, empresas das mais variadas áreas como bancos, telecomunicações, grandes coorporações em geral, tem procurado por profissionais e empresas especializadas em Ethical Hacking.

Consequentemente, profissionais com esse conhecimento e experiência estão muito valorizados no mercado, possuem uma boa remuneração é ótima empregabilidade. Na verdade, são muito concorridos no mercado.

Isso acabou causando também um grande aumento na quantidade de cursos de especialização na área.

 

Como ser um “Hacker do Bem”

Ethical HackingAntes de mais nada, um hacker é um especialista em sistemas e redes de computadores. Ele conhece muito bem a base teórica e prática do funcionamento de sistemas e redes.

É essencial por exemplo o conhecimento em sistemas operacionais, principalmente o Linux, o conhecimento do protocolo TCP/IP e dos principais serviços e hardwares utilizados em uma rede corporativa como DNS, Firewall, Proxies, Servidores Web e etc.

Com base nesses conhecimentos fundamentais, o Ethical Hacker irá utilizar técnicas específicas que irão permitir que ele invada e detecte as vulnerabilidades dos sistemas. Nesse caso o principal recurso é o PenTest, ou Penetration Test, um conjunto de ferramentas e técnicas que serão utilizadas pelo profissional para essa finalidade.

Existem alguns livros, cursos presenciais e online que ensinam as principais técnicas utilizadas. No entanto o interessado em se tornar um Hacker Profissional deve ter cuidado ao escolher esses cursos pois eles devem ter uma abordagem profissional e ser realmente voltado para a atuação com ética.

Existem também certificações internacionais em Ethical Hacking. Essas certificações são muito importantes pois dão credibilidade principalmente aos profissionais em início de carreira. Elas são muito valorizadas por quem contrata esses tipo de serviço, afinal a empresa deve ter certeza que o profissional que irá realizar os testes de invasão em sua rede corporativa é realmente confiável.


Curso Ethical Hacking